SEENS TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
+55 (41) 3779-0196

Placa de vídeo para notebook: veja modelos da Nvidia à venda no Brasil

Conheça as GPUs da Nvidia mais comuns em notebooks gamers, ultrabooks e laptops de entrada

A Nvidia possui diversas opções de placas de vídeo para notebooks no Brasil. A fabricante oferece desde a poderosa GTX 1080, pronta para a realidade virtual, até a intermediária com as GTX 1050 Ti. Há ainda as versões MaxQ, que têm desempenho inferior e preços mais amigáveis. É possível encontrar as placas GeForce em laptops de diferentes marcas como DellAcerSamsung e Lenovo, por exemplo.

Os preços dos computadores, no entanto, variam bastante e podem ir desde R$ 4.500, para as versões mais simples, até R$ 20 mil para os modelos com placas mais poderosas. A seguir, você vai conhecer a placas de vídeo da Nvidia para notebooks que podem ser encontradas no Brasil.

Conheça notebooks à venda no Brasil com placa GeForce — Foto: Viviane Werneck/TechTudo

GeForce GTX 1080

GeForce GTX 1080 é o modelo top de linha da geração GTX 1000, sendo uma das placas mais poderosas disponíveis em notebooks gamers no Brasil. Equivalente à versão desktop, o modelo possui 2.560 núcleos de processamento CUDA e opera em velocidades que ficam entre os 1.566 MHz a 1.733 MHz. A GPU ainda vem acompanhada de 8 GB de memória RAM GDDR5X.

 Predator Triton 700 é um dos exemplos com a GTX 1080 — Foto: Divulgação/AcerPredator Triton 700 é um dos exemplos com a GTX 1080 — Foto: Divulgação/Acer

As especificações generosas da placa a tornam mais do que suficiente para rodar qualquer jogo atual em configurações máximas nas resoluções Full HD e QuadHD, mais comuns em displays de notebooks. A GTX 1080 é ainda compatível com realidade virtual e pode encarar jogos em 4K, desde que o usuário abra mão de configurações mais elevadas.

Como representa custos maiores, a GTX 1080 não é tão facilmente encontrada em modelos à venda no Brasil. Um exemplo é o Predator Triton 700 da Acer que sai por R$ 19.999 na loja oficial da marca. Os Alienware também são uma alternativa, embora as versões com a placa não saiam por menos de R$ 24.000.

 

GeForce GTX 1070

 

Posicionadas num patamar abaixo da 1080, as GTX 1070 são placas gráficas robustas o suficiente para dar conta de jogos atuais. Apesar disso, usar a GPU significa abrir mão completamente da resolução 4K a uma taxa de quadros estável. A GTX 1070 é equipada com 1.920 núcleos CUDA de processamento e trabalha em uma faixa de velocidade que vai de 1.506 MHz a 1.683 MHz.

 Linha Fox da Avell tem opções com a GTX 1070 a preços mais competitivos do que as marcas estrangeiras — Foto: Divulgação/AvellLinha Fox da Avell tem opções com a GTX 1070 a preços mais competitivos do que as marcas estrangeiras — Foto: Divulgação/Avell

A placa vem ainda acompanhada de 8 GB de memória RAM GDDR5 e aparece em alguns modelos da Avell, além do Predator Helios 500 da Acer e nos Alienware 15 e 17. No quesito preço, os notebooks Fox da Avell são a melhor opção de custo-benefício, com valores em torno dos R$ 11 mil. Produtos de marcas estrangeiras podem ser bem mais caros, chegando na casa dos R$ 18 mil.

GeForce GTX 1060

Intermediária, a GTX 1060 dá conta de games em Full HD. O modelo tem processador com 1.280 núcleos CUDA e soma 6 GB de memória RAM GDDR5 dedicada. Em termos de velocidade, o processador da 1060 vai de 1.404 MHz a 1.670 MHz.

Lenovo Legion Y720 vem com a GTX 1060 à bordo — Foto: Divulgação/LenovoLenovo Legion Y720 vem com a GTX 1060 à bordo — Foto: Divulgação/Lenovo

A placa é mais acessível e aparece em notebooks gamer de entrada, como os Dell G7 (na versão MaxQ), Acer G3 e Lenovo Legion Y720 – todas opções com preços que vão dos R$ 5.700 aos R$ 7.500. Além disso, a GPU também aparece em alguns modelos da fabricante brasileira Avell e no Alienware 15, que custa cerca de R$ 14.475.

 

GeForce GTX 1050 e 1050 Ti

 

GTX 1050 e a 1050 Ti são muito comuns em notebooks gamer de entrada. Vale ressaltar que, apesar do nome parecido, a versão Ti é mais rápida e oferece performance muito superior em games do que o modelo convencional. A 1050 vem com um processador gráfico de 640 núcleos, atinge velocidades de 1.354 MHz a 1.493 MHz e tem 4 GB de RAM nos notebooks. Já a versão Ti tem 768 núcleos, 1.493 MHz a 1.620 MHz de velocidade e 4 GB de RAM GDDR5.

Linha Odyssey da Samsung usa GTX 1050, 1050 Ti e até a 1060 — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo

Linha Odyssey da Samsung usa GTX 1050, 1050 Ti e até a 1060 — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo

Essas placas são bastante comuns aparecem em notebooks como o Odyssey e Odyssey Z da SamsungAcer Nitro 5Dell G3, Alienware 15 e modelos de entrada da Avell. Os preços são mais baratos: é possível achar notebooks com uma das placas com valores a partir dos R$ 4.000.

As versões MaxQ

As placas GTX da Nvidia também podem aparecer nas chamadas versões MaxQ. Na prática, são modelos com especificações técnicas parecidas, mas que esquentam menos e consomem menos energia, o que também leva a uma performance inferior. Por exemplo, uma versão MaxQ da GeForce GTX 1060 é inferior à GTX 1060 normal. A diferença de performance pode variar, mas benchmarks em games chegam a mostrar que a GTX 1060 é até 30% mais rápida do que a MaxQ. A mesma regra vale para as outras placas GeForce com essa edição.

MX150

Ao contrário dos modelos anteriores, a MX150 não é uma placa gráfica gamer. Embora ofereça memória GDDR5, essa é uma GPU de entrada que deve encarar jogos recentes em configurações máximas de qualidade. O modelo pode ser suficiente para rodar games mais leves em resoluções mais baixas ou mesmo os títulos antigos. Equipada com 384 núcleos CUDA, a placa atinge velocidades que saem dos 1.468 e chegam a 1.532 MHz, oferecendo ainda 4 GB de RAM.

 Substituta direta da 940MX, a MX150 aparece em ultrabooks — Foto: Divulgação/NvidiaSubstituta direta da 940MX, a MX150 aparece em ultrabooks — Foto: Divulgação/Nvidia

Essa placa está disponível nos atuais Inspiron 7000 de 14 e 15 polegadas da Dell, além de aparecer em alguns notebooks da Lenovo, como os IdeaPad 330, algumas versões do IdeaPad 320, no Lenovo ThinkPad T480 e no Samsung Style S51 Pro. Os preços variam bastante, mas ficam na faixa premium dos ultrabooks à venda no mercado nacional, que começa em R$ 4.500.

 

MX110

 

Placa de entrada da linha GeForce, a MX110 é uma GPU dedicadasimples que vai oferecer pouco ganho de performance, se comparada a uma placa de vídeo integrada da Intel, por exemplo. O modelo tem especificações modestas, com 256 núcleos CUDA e velocidades que ficam entre 965 MHz e 993 MHz. Há opções com memória RAM DDR3 ou GDDR5. A linha Samsung Expert (modelos X40X50 e X55) usa a GeForce MX110 na versão com 2 GB de GDDR5. Os preços partem de R$ 2.450 para o X40, mais em conta da família.

Linha Expert da Samsung oferece a MX110 — Foto: Divulgação/SamsungLinha Expert da Samsung oferece a MX110 — Foto: Divulgação/Samsung

 

940MX

 

Parte de uma geração mais antiga da Nvidia, a 940MX tem uma grande variedade de versões. Há unidades com DDR3, GDDR5 e outras que oferecem velocidades maiores, mas menos memória. Independente da configuração, essa é uma placa intermediária com perfil parecido ao da MX150, sua sucessora direta. A GPU pode encarar games – sobretudo nas edições com GDDR5 – desde que seja com configurações e resoluções mais baixas. Ela aparece em notebooks mais antigos, como os Dell Inspiron 7000 e o IdeaPad 320 da Lenovo.

 940MX tem várias versões e é uma placa mais antiga — Foto: Filipe Garrett/TechTudo
940MX tem várias versões e é uma placa mais antiga — Foto: Filipe Garrett/TechTudo
Fonte: https://www.techtudo.com.br