SEENS TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
+55 (41) 3151-9551

OneDrive: o que é e como funciona a nuvem da Microsoft

Serviço de armazenamento em nuvem oferece 5 GB de espaço na versão grátis e conta com diferentes planos pagos; confira

Por Raquel Freire, para o TechTudo

OneDrive é um serviço de armazenamento em nuvem desenvolvido pela Microsoft. Além de guardar fotos e arquivos, a plataforma permite compartilhar projetos com outros usuários e conta com recursos extras, que variam de acordo com o plano assinado pelo usuário. O pacote gratuito e o plano de 100 GB oferecem apenas direito ao armazenamento online. As versões pagas, como o OneDrive for Business, contam com aplicativos do Microsoft Office 365 e outros softwares.

O serviço não exige instalação, mas existem versões disponíveis para download em sistemas operacionais como Windows, macOS, Android e iOS. Em 2022, porém, versões antigas do Windows perderão suporte ao recurso. Nas próximas linhas, saiba como funciona o Microsoft OneDrive, suas funcionalidades e planos e preços.

O que é e como funciona o OneDrive

OneDrive é um serviço de armazenamento na nuvem que integra o Microsoft 365. Portanto, quem possui o pacote de escritório conta com 1TB de espaço disponível para guardar arquivos de todos os tipos — considerando uma média de 2MB por imagem, o armazenamento suporta até 500 mil fotos. Além disso, também existe a possibilidade de assinar de forma avulsa, modalidade na qual os usuários têm acesso a 100GB.

Vale lembrar que o recurso também pode ser usado gratuitamente, bastando entrar com uma conta Microsoft. O login pode ser criado usando um endereço de e-mail existente ou a partir de uma nova conta, com endereços Outlook ou Hotmail. Nesse caso, o espaço para guardar arquivos é de 5 GB.

Recursos

OneDrive tem muitos recursos, que variam conforme o plano contratado. Um dos destaques é o cofre pessoal, presente na versão gratuita do serviço — o pacote Basic. A função consiste em uma pasta protegida por senha, o que possibilita armazenar arquivos confidenciais ou informações sensíveis.

O pacote Basic também permite criar arquivos de texto sem formatação (txt) e documentos do WordExcelPowerPointOneNote e Microsoft Forms, mas na versão grátis do Office Online. O modo gratuito inclui recursos de edição de imagem, compartilhamento de arquivos e pastas com terceiros e gerenciamento das capacidades de edição pelas pessoas que têm acesso ao documento.

Uma funcionalidade presente em todos os planos é a digitalização de documentos. No app móvel, disponível em celulares Android e iPhone (iOS), o usuário pode usar a câmera do celular para digitalizar contratos, recibos, documentos pessoais e quaisquer outros papéis importantes, transformando-os em PDF. O aplicativo ainda permite assinar os arquivos e armazená-los no cofre pessoal, mantendo-os ao mesmo tempo seguros e disponíveis online.

As versões pagas vinculadas ao Microsoft 365 trazem funcionalidades extras, como a possibilidade de proteger com senha e definir uma data de expiração para links compartilhados. Os assinantes também conseguem recuperar todo o conteúdo excluído sem querer em até 30 dias e recuperar arquivos corrompidos por ransomware.

Vale ressaltar que o serviço também faz backup automático das pastas e arquivos do computador. Com isso, o usuário pode acessar os conteúdos do PC através da versão web e dos dispositivos móveis.

Planos e preços

OneDrive se divide em duas categorias gerais: uso doméstico e empresarial. O armazenamento para fins pessoais reúne quatro planos. A opção grátis é o OneDrive Basic, que requer apenas login com a conta cadastrada na Microsoft e oferece 5 GB de espaço na nuvem. O OneDrive Standalone tem os mesmos recursos, mas com 100 GB de armazenamento, pelos quais são cobrados R$ 9 por mês.

Microsoft 365 Personal inclui Word, Excel, PowerPoint, Outlook Skype em suas versões do Office 365, que é pago e possui mais funcionalidades. Ele oferece espaço de 1 TB e pode ser usado por uma só pessoa, custando R$ 359 ao ano (ou R$ 36 por mês). O Microsoft 365 Family dá direito a até seis usuários, além de armazenamento total de 6 TB ao preço de R$ 449 (R$ 45 por mês).

Os pacotes para negócios são projetados para empresas de diferentes tamanhos e necessidades. As duas versões do OneDrive for Business, denominadas plano 1 e plano 2, custam R$ 28,60 e R$ 57,10 mensais por usuário, respectivamente. O valor incluir impostos, e os pacotes têm os mesmos recursos da versão grátis, com diferença no espaço de 1 TB por usuário na primeira opção e armazenamento ilimitado no segundo plano.

Microsoft 365 Business Basic entrega os aplicativos Exchange, Teams e SharePoint, além do Word, Excel e PowerPoint para a web. Essa versão configura 1 TB por usuário e sai por R$ 28,60 ao mês. Por fim, o mais completo é o Microsoft 365 Business Standard, cujo preço é de R$ 71,40 mensais. Ele traz os apps do Office 365 e o Yammer, rede social para empresas da Microsoft.

Plataformas disponíveis

OneDrive pode ser usado na web em qualquer dispositivo, tanto em PCs quanto em celulares. A Microsoft disponibiliza aplicativos para baixar no Windows e macOS — não há versão nativa para Linux —, e para dispositivos móveis rodando Android e iOS.

Concorrentes

Microsoft OneDrive tem alguns concorrentes de peso. Um dos principais é o Google Drive, que oferece 15 GB em sua versão gratuita. O armazenamento do Google também é mais barato em suas variantes pagas. O plano de 100 GB custa R$ 6,99 por mês; o de 200 GB sai a R$ 9,99; e o Premium, de 2 TB, tem preço mensal de R$ 34,99.

Dropbox, por sua vez, não conta com plano gratuito. Ele dispõe apenas de um período teste de 30 dias grátis, liberado somente no Dropbox Business. Os preços das mensalidades são de US$ 9,99 (cerca de R$ 56, em conversão direta) no plano Pessoal Plus; US$ 16,99 (R$ 96) no Pessoal Family; US$ 16,58 (R$ 94) no Professional; US$ 12,50 por usuário (R$ 71 por usuário) no Business Standard; e US$ 20 (R$ 113) no Business Advanced.

iCloud acaba sendo o rival entre os clientes da Apple. O armazenamento oferece 5 GB para os usuários dos sistemas da maçã, sem necessidade de pagar nada por isso. É possível ampliar o espaço e ter acesso a mais recursos com o iCloud+, que custa R$ 3,50 mensais no plano de 50 GB; R$ 10,90 oferecendo 200 GB e R$ 34,90 entregando 2 TB.

via techtudo.com.br