SEENS TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
+55 (41) 3151-9551

Posso recusar os novos termos de uso do WhatsApp?

No próximo sábado (15) acaba o prazo para os usuários do WhatsApp decidirem se aceitam ou não os novos (e polêmicos) termos de uso da plataforma. Com a mudança, os dados do mensageiro passam a ser compartilhados com o Facebook, dono do app.

Mas o que acontece se eu não aceitar os novos termos de uso do WhatsApp?Primeiramente, a plataforma informou que nenhuma conta será removida por conta disso. No entanto, não pense que não haverá nenhum tipo de punição para quem não concordar com a mudança.

Apesar de não ter a conta apagada (inicialmente), o usuário não vai mais poder acessar sua lista de conversas e apenas vai poder responder mensagens ou atender chamadas após receber notificações. E isso também não deve ser para sempre. A empresa não deu um prazo certo, mas disse que após “algumas semanas” o usuário não vai mais conseguir atender chamadas ou responder mensagens sem aceitar a política.

Novos termos de uso do WhatsApp

Além disso, quem não aceitou ainda, vai começar a receber lembretes de forma mais incisiva nos próximos dias, reforçando a necessidade de concordar com os novos termos de uso do WhatsApp. Após todo esse período, caso a conta fique inativa por 120 dias, ai sim ela poderá ser excluída pela empresa, segundo regras antigas da plataforma.

A nova política de privacidade diz respeito às mensagens enviadas para empresas, que podem ser armazenadas nos servidores do Facebook e cujos dados podem ser usados para publicidade. O WhatsApp compartilha algumas informações pessoais, como números de telefone, com o Facebook desde 2016.

Ações judiciais em diversos países tentam barrar a mudança. Nos países da União Europeia e no Reino Unido, por exemplo, a nova pública não vai ser implementada. Em resposta à repercussão negativa sobre a mudança, o mensageiro anunciou que iria atrasar a introdução da nova política de privacidade, que originalmente deveria entrar em vigor em 8 de fevereiro.

No momento, aqui no Brasil, caso não aceite os novos termos de uso do WhatsApp, é bom o usuário começar a procurar novos aplicativos de mensagens.

via olhardigital.com.br